terça-feira, 4 de maio de 2010

Ambiente

A Dona Sarah do Alaska apelou hoje ao povo para que tenha confiança na indústria petrolífera. Não era preciso: o povo é sereno e a história do Exxon Valdez deixou claro que os tribunais estão do lado de quem puder pagar os melhores advogados.

Não há que temer consequências (a família do CEO da Enron ficou com o dinheiro que ele roubou aos empregados).

Mas enfim, no Sul são todos republicanos, pro-business, como se diz aqui, e portanto esta tragédia fica em família e resolve-se entre eles, com a ajuda sábia da Dona Sarah.

E esta é a coisa mais bonita do capitalismo selvagem: como as pensões de reforma dos pescadores estão em parte em acções da BP, se eles refilam muito lá se vai o dinheirito que era para o asilo...

Sem comentários :

Enviar um comentário

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.