quarta-feira, 19 de maio de 2010

Mordomias da alta finança

"Long after his annual compensation at Enron had climbed into the millions, Ken Lay arranged to take out large personal loans from the company. He gave Enron jobs and contracts to his relatives. And Lay and his family used Enron's fleet of corporate jets as if they owned them. (...)
At lunch time, (...) when his meal arrived, his staff carefully unwrapped it, placed the food on fine china, and served him lunch on a covered silver platter".
The Smartest Guys in the Room, Bethany McLean e Peter Elkind, Portfolio, 2003, pag. 4

Ken Lay foi presidente da ENRON desde 1985 até à sua falência em 2001 e um dos principais responsáveis pelas actividades ilícitas da empresa nos mercados financeiros. O "esforço" pedido a parte dos cidadãos da Europa, dos EUA e do mundo serve também para este tipo de personagens poder continuar a roubar.

2 comentários :

  1. Ken Lay morreu em 2006 e a administração Bush deixou cair os processos que visavam reaver parte do dinheiro que ele tinha roubado aos trabalhadores da própria empresa.

    ResponderEliminar
  2. Pelo menos o Jeff Skilling, o CEO da ENRON, apanhou 24 anos, não foi nada mau.

    ResponderEliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.