segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

A tortura colectiva continua na Coreia do Norte

Desde a morte de Kim Jong-Il, a tortura colectiva a que o Partido Comunista da Coreia submeteu os coreanos não conhece limites. Depois da imposição de ignóbeis choros mal ensaiados, seguem-se os passarinhos que prestam homenagem a Kim Jong-Il. Vota PCP.