quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Deriva de direita em imagens - parte III

Tendo em conta alguns comentários e sugestões que foram feitos quando coloquei os desabafos pictóricos alusivos à deriva de direita, aqui fica mais uma versão gráfica dessa realidade:



Se a deriva continua, o fascismo vem a caminho...

5 comentários :

  1. Creio que o PSD nunca foi social-democrata, nem mesmo aquando da sua fundação. Diria antes que sempre foi um partido de centro-direito, porventura com uma certa militância desalinhada à esquerda - e.g. Emídio Guerreio - e que nunca sofreu qualquer tipo de deriva.

    Tão pouco o PS foi alguma vez verdadeiramente Socialista mas antes Social-Democrata, ao que nunca ambicionou o derrube do sistema capitalista.
    Vejo hoje o PS como um partido de centro-direita, muito idêntico ao PSD, a única diferença é porventura uma maior abertura no plano social, porém muito tímida no grande plano das coisas. No fundo são dois partidos iguais mas com clientelas diferentes.

    É de destacar que o CDS anda lá perto, na minha opinião encaixaria bem na categoria de centro-direita. Admito que o CDS é mais conservador que os dois partidos acima mencionados mas ainda assim é mais o que os une do que aquilo que os separa.


    Para finalizar creio que o PCP ainda continua Socialista. O PCP tanto quanto sei não preconiza um estado social em comunhão com um sistema capitalista.

    ResponderEliminar
  2. Eduardo Pinto:

    Obrigado pela mensagem, que me dá oportunidade de justificar estes «desabafos gráficos».

    Estas imagens não se referem tanto aos ideais das pessoas que compõem os diferentes partidos, mas sim às propostas programáticas dos mesmos.

    Sobre o PSD:
    O PSD votou em 1976 favoravelmente a uma constituição onde se declarava o seguinte: « República Portuguesa é um Estado democrático, baseado na soberania popular, no respeito e na garantia dos direitos e liberdades fundamentais e no pluralismo de expressão e organização política democráticas, que tem por objectivo assegurar a transição para o socialismo mediante a criação de condições para o exercício democrático do poder pelas classes trabalhadoras.»
    E alterou o seu nome de «Partido Popular Democrata» para «Partido Social Democrata».
    Por muitas pessoas de direita que o partido tivesse, o programa era efectivamente social democrata. Tal como reflectido na aprovação da constituição de 1976.


    Sobre o PS:
    Como pode ver em imagens anteriores, partilho das mesmas dúvidas.
    Às vezes o PS parece ser um partido de centro-direita, que se preparava para privatizar os CTT e tudo o que restasse. Mas a verdade é que as desigualdades diminuíram em Portugal no último mandato do PS (têm aumentado em todos os países ricos), e o casamento homossexual foi legalizado.
    Por outro lado, o PS está mais próximo do PSD+CDS do que dos partidos de esquerda. Fica a dúvida.

    Sobre o CDS, creio que é um partido de direita e não centro-direita, embora concorde que o PSD o ultrapassou pela direita. Na imagem fiz questão de colocar o PSD à direita do CDS, mesmo que na mesma categoria (é muito mais do que os une do que o que os separa).

    Sobre o PCP, já tive a mesma discussão na primeira imagem que desenhei sobre este assunto ( http://esquerda-republicana.blogspot.com/2011/12/deriva-de-direita-em-imagens.html ).
    Pode verificar que o mais recente programa eleitoral da CDU ( http://www.cdu.pt/2011/compromisso-eleitoral-do-pcp-por-uma-pol%C3%ADtica-patri%C3%B3tica-e-de-esquerda#2 ) não se propõe uma economia planificada, mas apenas a nacionalização dos sectores estratégicos. Todos os outros negócios (meios de produção) continuariam privados se o programa da CDU fosse cumprido.
    Hoje o PCP é um partido Social Democrata. É surpreende, porque é um partido cheio de comunistas, mas as propostas do partido são efectivamente sociais democratas.

    ResponderEliminar
  3. O Sá Carneiro discursava contra a sociedade de classes...

    ResponderEliminar
  4. como aqueles manif's de wall street divididos em laptop people e pessoal dos tambores segregados num gueto?

    é mais uma miguel carvalhada ou sá carneirada falar é fácil

    agora praticar...os senhoritos sejam de esquerda ou de direita sã todos a mesma merde

    como dizia son ami mitterrando

    ResponderEliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.