quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Assunção Esteves protege Passos (que esconde algo?)

Já todos os cidadãos minimamente atentos entenderam que os «serviços secretos» são uma quadrilha de criminosos (ou várias, concorrentes). O governo não quererá que os inquéritos em curso conduzam a condenações criminais exemplares justamente porque a nova PIDE lhe dá o poder de vigiar cidadãos, inclusivamente movimentos e personalidades da oposição.

É mesmo assim estranho que Passos Coelho se furte a comparecer numa Comissão parlamentar. Deixa a impressão de que esconde algo. Porque ao mandar Relvas desafiar o PCP a questionar Passos no plenário, em vez de por detrás da porta fechada da Comissão, parece querer lançar a responsabilidade de discutir os «serviços secretos» em público para o PCP.

Infelizmente, Assunção Esteves optou por fazer o jogo do governo e proteger Passos. Esteve mal enquanto Presidente da Assembleia da República. Não contribuiu nem para dignificar o Parlamento, nem para esclarecer o que se passa nos serviços secretos na nova PIDE.

Sem comentários :

Enviar um comentário

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.