quinta-feira, 10 de junho de 2010

Dia da raça

 
O «Puro Sangue Lusitano».

5 comentários :

  1. Sem dúvida. :)
    É pena os saudosos do Tony de Santa Comba Dão não perceberem isso...

    ResponderEliminar
  2. Em dia de celebrações, não podia deixar de celebrar uma quase vitória total nas eleições de ontem nos Países Baixos (tão baixos que têem andado de rastos diante dos colonos muçulmanos).
    Pensei e desejei ferverosamente que Geert Wilders fosse primeiro ministro, mas negociou mal a temática da crise financeira,e custou-lhe uma vitória maior. É pena, mas quem ganhou, finalmente, é outro partido anti-maometano, isto é, anti-fascista e não exclui uma coligação com Geert Wilders e o lugar de vice para este mesmo refinado islamófobo.
    De qualquer maneira eu vou repetir com o Geert W. o resultado foi... GRANDIOSO, triplicaram o n° de eleitos, fixe!
    Para a Holanda significa: "mais segurança, menos criminalidade, menos imigração e menos islão". E mais dinheiro poupado para os cofres do estado, digo eu, em tempos de bancarrota generalizada.
    E agora as minhas carinhosas condolências para os islamófilos da esquerda dhimmi portuguesa. Os tais que tanto desancam como surdos nos católicos como lambem as babouches do islamo-fascismo.
    Tanto se deixam encavar mentalmente pelos sarracenos e sem vaselina se faz favor, como desancam no povo judeu, sómente porque nasceram judeus e amarem tanto o berço da sua civilização e da sua pátria.
    Ah a propósito, porque não pedirmos desculpa aos maometanos e entregarmo-lhes o nosso país que já foi terra deles, e, segundo o alcoirão, terra que é muçulmana um dia é para toda a eternidade?
    Vá lá sejam coerentes e sem complexios até ao fim.
    Se acham que a pátria portuguesa tem cara de cavalo àrabe puro sangue, já estão no bom caminho.
    Allez, kusjies van u beste vriend ergens in die Eurábia met lief.
    Tot ziens.
    VIVA a Holanda e VIVA ISRAEL.

    sempalasnosolhos

    ResponderEliminar
  3. Já estamos habituados a ver Ricardo Alves, o "querido lider" do esquerda republicana, chamar burro ao Povo Português.

    É mais um post bacôco que aqui é publicado.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo das 1:26, não é um burro que ali está. Olhe lá com atenção...

    ResponderEliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.