sexta-feira, 19 de março de 2010

Fascismo em Espanha...

O ataque do Supremo Tribunal espanhol a Baltazar Garzon sugere que embora Franco esteja morto, o franquismo continua. Segundo o El Pais, “Baltasar Garzón está siendo investigado penalmente por indagar 22 casos de presuntas detenciones ilegales y desapariciones forzadas de más de 100.000 víctimas, ocurridas entre 1936 y 1951…”

3 comentários :

  1. Mas está a ser investigado por prevaricaçao e em 3 casos distintos. De facto nem os "super-estupendos juízes estrelas" estao a cima da lei.

    ResponderEliminar
  2. Pois nao, e ainda bem, mas acho curioso que ninguem diga nada quando se fala na America Laitina, e que quando se trata dos fascistas o Supremo espanhol venha com minucias e problemas.

    ResponderEliminar
  3. a democracia espanhola é muito ambigua... pelo visto...
    o governo espanhol deveria ser Franco e admitir a real forma de regime que impera o pais.

    ResponderEliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.