quinta-feira, 12 de abril de 2007

Religião e religião organizada

Eu acho que religião e religião organizada são coisas muito diferentes. A primeira é uma coisa inata - eu acho que é uma disfunção qualquer, uma desordem neurológica, mas isso é só a minha opinião - e a segunda é uma coisa muito mais perigosa: é uma organização política com uma agenda própria e onde os objectivos não podem ser, por definição, a paz na Terra, a justiça social, ou qualquer uma das outras coisas que eles apregoam.

4 comentários :

Ricardo Alves disse...

É claro que são duas coisas muito diferentes. A primeira não preocupa ninguém. A segunda tem sido um problema social e político.

E mesmo entre as religiões organizadas, há organizações monárquicas e autoritárias, como a ICAR, e estrturas sem hierarquia nem clero, como os quakers.

tiago disse...

O republicanismo é uma forma de religião??

Anónimo disse...

"...uma disfunção qualquer, uma desordem neurológica..."

Que bem que fica essa superioridadezinha intelectual... esse sentimento de sanidadezinha mental... Tanta gente doida nas religiões e você cheio de sorte por pertencer aos saudáveis.

Ai rico! Como bom você ter os neurónios todos a funcionar.

P Amorim disse...

Porque será que os anónimos têm sempre opiniões, digamos...estranhas?