quinta-feira, 10 de maio de 2012

O projeto político do Pingo Doce (2)

O único motivo de relevância social da senhora da figura é o ter rompido com o PCP. Se não fosse o PCP, quer antes, quer depois de ter saído, a senhora em questão não seria minimamente conhecida: seria uma perfeita anónima. Mas, apesar de ser uma figura polémica e que divide a sociedade portuguesa, basta esse motivo para (havendo tantas outras figuras públicas bem mais populares e consensuais) protagonizar uma campanha de vinhos do Pingo Doce.