quinta-feira, 3 de maio de 2012

Bayrou anuncia que votará Hollande

François Bayrou, o candidato centrista que teve 9% dos votos na primeira volta da presidencial francesa, anunciou hoje explicitamente que votará em Hollande (*). Se este já podia contar com os 43% dos candidatos de esquerda na primeira volta, e Sarkozy apenas com uns 37% (sendo incerta a distribuição de votos de Le Pen, essa será todavia em princípio mais favorável a Sarkozy), o apoio do centrismo a Hollande confirma que a vontade francesa é que haja mudança.

Agora, dificilmente não haverá uma viragem na Europa no domingo.

(*) Deve ler-se a sua declaração de voto. Apresenta como razões principais o «namoro» de Sarkozy à extrema-direita e «o desvio da ideia de escola» que consiste em dizer que esta serve para ensinar fronteiras. Mas contesta o programa económico de Hollande e prepara-se para combatê-lo (na oposição) ou limitá-lo (no governo?).

3 comentários :

Demo Gra Pia disse...

pois ...e os votantes do PRD nem comunistas tinham né era só desafectos do soarismo e do balsemanismo e mota pintismo que deus o guarde

até Salgados Zenhences botaram PRD

Bayrou rou é uma amálgama ao estylo de Alegre
não é um voto que se incline

vai ver o jogo como fizeram os imigrantes lusos

excepto o meu bizinho mas esse quer a mulher reformada aos 60...como ele foi aos 61
e tem lá a dinheirama toda
por um lado quer os eurobonds do Hollande
por outro quer as boas acções do Sarkozy
Tem muitas do credit agricole (era gestor pauvre con...
e bai votar em Lisboa ..dimanche
nã se decidiu é em quem
tá xéxé
acha que o voto dele pesa...

Ricardo Alves disse...

«Bayrou rou é uma amálgama ao estylo de Alegre»

Que disparate.

Demo Gra Pia disse...

Mecê Piou?

Ora 1º Alegre teve apoios desde o extremo da velha guarda marcelista (um deles até esteve a defender o estado social do Dr.Marcelo (nã é esse)que estavam a exterminar)até aos anarkas e filhos família do estado a que chegámos
O facto da Joana Melo Antunes tenha saido dos desfiles da moda lisboa para apoiar o Senhor Caçador Simão nobre entre os nobres
Levado pela mão do senhor doutor à AcADEMIA (O INGRATO que cuspiu no prato e dividiu a loja do velho mestre)

Bayrou é como Alegre um candidato a candidato presidente repetente 2002 2007 2012
é a esperança da mudança num político historiador

o outro é político-poeta-pateta-alegre-nobre-caçador

um veio da UDF (já de si uma amálgama política)que dividiu
o outro do PS (da ala nobre e maçónica um contra-senso um nobre querer ser pedreiro como o marquês dos pombais mas adiante

cada um congregou apoios anómalos de áreas completamente diversas das suas

Por exemplo aqui os engravatados da Juventude Centrista Ciganos Comunistas e cabeças rapadas
dividiram o seu voto entre Alegre e a Cavaca..

muita gente que nã votava nas outras eleições
como o emigrante aqui da bizinhança foi botar Bayrou na 1ª volta
a última vez que votou aqui votou othelo...

logo...Quod erat demonstrandum