segunda-feira, 28 de maio de 2012

Eu gosto de filmes de zombies...

...e não esqueço a principal lição: um grupo humano que não percebe a tempo que tem entre eles um indivíduo que se deixou morder/contaminar pelos zombies (ou seja, que está a tornar-se num morto-vivo) acaba sempre por ser destruído antes do final do filme.

(Lembrei-me disto a propósito das sábias palavras do «Professor Marcelo».)

6 comentários :

Roethia Secunda Roetia Prima disse...

Atão e o pinóquio meu?
foi atacado por relvas carnívoras
fecharam-no ao estylo de drácula do pau e esqueceram-no

iste de blogs desmemoriados é peor que jornalista com buraco no bolso

ide prá impressora fazer notas ó Zombie Falsário

Roethia Secunda Roetia Prima disse...

Nunca esperaria que uma pessoa sensata como tu pá, que aprendi a desrespeitar e a temer ao longo destas décadas de amena cavaqueira se fosse pôr ao lado das lynch mobs das RTP's e das Autarquias e das ondas de caciques do ajuste directo.

Ah, enganei-me pensava que eras o Santana Lopes...ódesculpa pá vae avante e atira o bruxo às águas turvas da RTP
Se ele flutuar é bruxe e queima-se
Se se afogar paciência são cousas que acontecem
Se calhar até não era tão culpado como parecia
Se calhare inté era ele o pinóquio
Ou um daqueles políticos mações que gostavam de ser gregos nas casas pias...

Ricardo Alves disse...

Porque é que me dá tanta importância?

Roethia Secunda Roetia Prima disse...

a ti pá? bolas pá já tás Joã Baskus?

ê sô o produto evolutivo via loja

do grande educa dor da classe operária

comme a classe operária tá toda no desemprego ou com 500 eurros nã tem net


tenho de tentar educar os atrasados mentaes que a têm

é uma cruzada putalítica de um apolítico que apanhou uma picadela duma mosca tsé-tsé

ê dar-te importança meu?

se calhar pensas que venho aqui olhar pá tua cara puque acho qués burnito nã?

bolas meu desinfesta man

mais vale cruzadas destas do que daquelas de cartuchame e tiro nos pretos

é que dessas nã se resolve nada
porque con trariamente a boçês eles reproduzem-se à fartazana

Ricardo Alves disse...

«ê dar-te importança meu?»

Sim.

Roethia Secunda Roetia Prima disse...

é muito sintético como resposta, era o mesmo que dizer que a crise eurropeia é parcial e resulta de gente pouco informada, que não sabe investir nem se arrisca, mesmo que ganhe 65 milhões no eurromilhões.

Ou dizer que o século XIX teve muitos mais mortos nas guerras esclavagistas e coloniais do que o nº de mortos de todo o XXº

Ou que os hábitos levam a repetição dos lugares virtuais onde os pombos vão depositar as suas posturas

logo se eu nem sey o quéqué um ricciardi alves dus reys é uma personagem ficcional
tal como o nehemiah scudder americano feyto carne em 2012?
ou é um extremista de ideias curtas e escassa racionalidade ao estylo jã basquista

isse só deus e o papa sabem
e o grão mestre da loggia