sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Os bons e os maus...

Isto já é antigo, mas vale a pena ver, sobretudo no contexto da discussão gerada pelo meu último posting. Eu tenho um fascínio enorme por seitas e por movimentos terroristas, que são organizações de crápulas que se reclamam mais puros e mais justos do que nós. Como os banqueiros que lhes lavam o dinheiro. Quando eu falo em gangsters, quero dizer: gangsters.

1 comentário :

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.