terça-feira, 22 de junho de 2010

Resistência ao islamismo

Há alguns sinais positivos, nos países de população maioritariamente muçulmana, de resistência ao islamismo. Em Marrocos, é um grupo de jovens que fazem um pique-nique em pleno dia, durante o Ramadão, arriscando penas de prisão. No Líbano, profundamente dividido em comunidades confessionais, manifestações pela laicidade (ver o blogue). E na Gaza do Hamas há um grupo de Rap contra a violência religiosa.