segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Max Blumenthal

No meio da histeria e do ódio e do medo e da tentação bovina de seguir a manada há sempre uns (poucos) jornalistas que se mantêm calmos e razoáveis, apesar dos insultos, dos boicotes e da censura sistemática. Max Blumenthal é um destes jornalistas: corajoso, honesto e sempre calmo e razoável, no meio da histeria da extrema direita. O vídeo dele sobre o ódio de um bando de miúdos em Jerusalem foi censurado do YouTube, do Huffington Post, e do Vimeo. Mas vale a pena vê-lo.