terça-feira, 23 de novembro de 2010

Liberdade de ensino?

Ouvimos muitas vezes falar em «liberdade de ensino». No sentido de que as escolas privadas devem poder ensinar o que quiserem aos seus alunos.

No Reino Unido, escolas islâmicas estão a usar livros de texto que ensinam que «os Sionistas querem controlar o mundo», que «os judeus são macacos e porcos», que o castigo para a homossexualidade é a pena de morte e que os ladrões devem ser amputados. É tudo islamicamente correcto, claro. Ah, e pago pelo governo da Arábia Saudita (provavelmente o regime mais teocrático do planeta, e um dos mais ricos).

Deve o Estado intervir? Ou faz parte da liberdade de educação e da liberdade religiosa?

[Diário Ateísta/Esquerda Republicana]