domingo, 19 de dezembro de 2010

Ainda há católicos!

Ainda há católicos fanáticos, perdão, coerentes: César das Neves não apoia Cavaco Silva. Não se compreende é por que razão não avançou, ele próprio, para a candidatura.

19 comentários :

  1. o facto de se meter o mundial em áfrica como o acontecimento do ano

    juntamente com acontecimentos políticos de agit-prop criados mediáticamente

    diz muito sobre os critérios de selecção

    ResponderEliminar
  2. Bom Dia,

    Com os melhores cumprimentos. Descobri este Blog há alguns minutos, mas pelo que vi, a conclusão a que chegámos é que dá “vómitos” só de olhar para o nome “ESQUERDA REPUBLICANA”, que é o nome mais reles que se pode ler e ouvir.

    Vi também, há pouco uma sondagem da TVI 24, para eleger o Blogger do Ano, se não me engano, como é óbvio não votei no “vosso”, porque não faria sentido algum! Se fosse para votar em quem eu queria que fosse para a forca, seria o 1.º a votar no vosso “Candidato” a Blogger do Ano 2010.

    Acerca, da sondagem do vosso Blog gostava de vos informar que estais a ser infiéis (se é que isso vos interessa), ao Santo Padre… primeiro escrevem “papa” em vez de “Papa”, e se realmente são educados deveriam escrever Santo Padre, mas enfim, é a “mente” republicana.

    Afirmo-me como apoiante da Direita Monárquica. E TUDO farei que a Esquerda e a República não tenham mais lugar em Portugal!

    Renovo os melhores cumprimentos.


    Diogo de Campos

    ResponderEliminar
  3. papa em vez de Papa
    PAPA REAL

    E TUDO farei que a Esquerda e a República não tenham mais lugar
    mais um Buiça a Caminho

    eles nascem de todas as cores

    e afinal também há esquerda monárquica
    se este é da direita

    ResponderEliminar
  4. Senhor Diogo de Campos,
    vejo pelo seu perfil e blogue que é salazarista e membro assumido de um partido de extrema direita. Sendo assim, não me espanta que venha aqui defender o meu homicídio. Faz parte daqueles que preferem a violência e a tentativa de intimidação ao debate de ideias.

    Como também vejo pelo seu perfil que tem apenas catorze anos de idade, desejo-lhe que reflicta muito sobre o que diz e faz. Ainda vai a tempo de se afastar da via do crime e da violência na qual parece apostado.

    P.S. Quanto ao papa, tem razão: chamo-lhe o que me apetece.

    ResponderEliminar
  5. Não se candidatou porque uma candidatura custa muito dinheiro. E porque ele sabia que não valia a pena gastar o seu dinheiro dessa forma, porque já sabia que iria perder. Porque é evidente que Cavaco vai ganhar, quanto mais não seja porque o povo português gosta de "reis".

    ResponderEliminar
  6. Boa Noite,

    Com os melhores cumprimentos. Eu, sou o que bem quero e o senhor não tem nada a ver com isso; quanto ao pertencer a um partido de extrema direita, muito sinceramente não conheço em Portugal nenhum partido de extrema direita; se conhecer algum gostava que me dissesse qual é. Eu, pertenço a uma pequena organização partidária que é o Movimento Social Monárquico (MSM), que é de Centro-Direita.

    Quanto, ao ter catorze anos, isso, é verdade não vou estar a mentir; mas posso dizer-lhe que tenho mais maturidade que muita gente com o dobro e o triplo da minha idade; mas não vou discutir isso; com traidores da Pátria, como é o caso de V. Exa., eu nunca cometi nenhum crime por isso, não tenho de me afastar de coisa alguma.

    Você, trata o Santo Padre como bem quiser, não é assim? Então, eu também o trato como quiser, seu parasita da sociedade, pessoas como você apenas merecem um destino, a forca!

    Renovo os melhores cumprimentos.


    Diogo de Campos

    ResponderEliminar
  7. Caro Diogo,

    Ameaçar as pessoas é feio. Quando tiver idade para votar (e para, espero, perceber o valor que isso tem) tenha mais cuidado com as palavras. Ameaças de morte são punidas pela lei.

    Pior: merecem-lhe a desconsideração das pessoas. Não que alguém aqui se sinta efectivamente ameaçado, mas enfim... Se vem para a Internet conversar com gente crescida, porte-se como gente crescida.

    ResponderEliminar
  8. Caro Francisco Burnay,

    Com os melhores cumprimentos. Eu, não ameacei ninguém, nem nunca o fiz nem farei. Quando, tiver idade para votar, com toda a certeza que o irei fazer (apenas nas Autárquicas e Legislativas), e votarei SEMPRE na Direita! Quanto a ameaças de morte, como disse mais atrás eu não ameacei ninguém; muito menos de morte.

    Eu, também não procuro a consideração de pessoas de esquerda, muito menos republicanas; eu venho para a Internet falar com gente inteligente e culta, que não é o vosso caso! Recomendo-vos que estudem mais um pouco, a Doutrina Monárquica e Católica, e que depois entrem em contacto comigo, para podermos depois realmente debater, visto que não debato nem converso com gente ignorante e inculta.

    Se, não gostou do que escrevi, não tenho a culpa, pois a resposta (o meu 2.º comentário), não foi dirigida a V. Exa., como tal não se devia meter, mas enfim, como já disse noutro comentário, é a “mente” republicana.

    Renovo os melhores cumprimentos.


    Diogo de Campos

    ResponderEliminar
  9. Bom, ficámos a saber que quem estuda a «Doutrina Monárquica e Católica» apela ao homicídio de outrém. Fico esclarecido quanto aos perigos da dita doutrina, especialmente quando seguida pelo Diogo. É elucidativo.

    ResponderEliminar
  10. Um rapaz salazarista, monárquico, super-reacças, ofendido porque o ex-nazi cúmplice com pedófilos não foi chamado como devia... Este sim devia ser o maior acontecimento de 2010! Deviam ter esperado mais um pouco antes de abrirem a votação!

    ResponderEliminar
  11. Caro Ricardo Alves,

    Com os melhores cumprimentos. Sabe, eu estudo a Doutrina Monárquica e Católica para pode-la ensinar a pessoas que realmente estão interessadas em “aprende-la” e nos tempos livres, ensino-a a uns ignorantes da Internet, como é o seu caso do Exmo. Sr..

    Quanto a ser Salazarista, sou-o assumidamente, com muita honra; não sou comunista, nem ladrão, nem corrupto como é o vosso caso; vós apenas tendes um nome para vos classificar animais-irracionais!

    Sou, Monárquico com muito orgulho, ao contrário de vós que sóis uns Republicanos “envergonhados”, que apenas têm dado cabo do nosso País ao longo destes últimos 100 anos.

    Quanto a ser Nazi ou Ex-Nazi, isso é totalmente mentira, visto que nunca o fui nem serei; e nunca fui cúmplice de ninguém muito menos de pedófilos; visto que não me dou com “esquerdistas”, esses sim são pedófilos, mentirosos, ladrões e corruptos! Merecem morrer todos no Campo Pequeno decapitados! Mas, Deus não dorme…

    Dispenso fazer parte das vossas inúteis sondagens que em nada ajudam a Sociedade; apenas fazem ficar alegres um bando de palhaços que vos segue!

    Renovo os melhores cumprimentos.


    Diogo de Campos

    ResponderEliminar
  12. Para quem é tão iluminado e vem aqui educar "ignorantes" ficam aqui uns esclarecimentos:

    - O ex-nazi que cobriu casos de pedofilia não é o Diogo, é o papa... (Perdão, o Santo Padre). É díficil ter 14 anos e ser contemporâneo do nazismo, mas nunca se sabe!

    - Chamar "irracionais" a republicanos para depois se afirmar como monárquico leva a taça! Não há nada mais irracional que estar pre-determinado que é o filho do não sei quantos o próximo a mandar nisto. Porque não o filho do vizinho?

    - De facto apelar a deus que faça justiça é da maior racionalidade que existe. Mas fico à espera. Um dia destes acordo e estou no campo pequeno à frente da guilhotina!

    Isto pode ser só o meu gosto, mas acho imensa piada a este discurso

    "Vocês comunistas, ladrões, corruptos que andam a dar cabo do país deviam todos morrer!!!! Renovo os melhores cumprimentos."!

    ResponderEliminar
  13. Caro Ricardo Alves,

    Com os melhores cumprimentos. Gostava de lhe dizer que o Santo Padre não é nem nunca foi Nazi, muito menos cobriu casos de pedofilia, acreditava-me mais depressa que V. Exa., é que era pedófilo!

    Sabe que a Monarquia tem muito mais vantagens que a República! Ai, perdão esqueci-me que estava a lidar com um ignorante. Sabe que o filho do Rei é ensinado desde que nasce; enquanto o filho do vizinho é posto lá por 5 ou 10 anos e faz as “asneiras” e depois sai sem ter que dar justificações. E vocês que se dizem tão democráticos, não é assim? Por acaso, é mesmo só por acaso Sidónio Pais foi assassinado por republicanos!

    Sabe, que o verdadeiro justiceiro é Deus, e ele não dorme! Informo-o desde já que vou enviar uma Carta à Santa Sé a informar dos insultos ao Santo Padre por parte de V. Exa.!

    Sabe, que eu teria todo o gosto em cortar-lhe a cabeça!

    Renovo os melhores cumprimentos.


    Diogo de Campos

    ResponderEliminar
  14. Caro Diogo,

    Antes de mais, queria esclarecer que não sou o Ricardo Alves, embora também me chame Ricardo. Ele já teve direito à sua conta de ameaças de morte, agora é a minha vez!

    Quanto ao ex-nazi que agora é papa ter encoberto ou não casos de pedofilia, não é uma crença ou uma cruzada minha, há documentos sobre isso... Não é o facto dele falar ao telefone com deus uma vez por semana que o torna santo!

    Então de acordo com o seu argumento, podíamos educar uma outra pessoa da mesma forma que se educa um filho de rei e ele podia governar? Continua a arbitrariedade aí. E aqui entre nós a gente nobre que rodeava os reis é conhecida por ser rica e ter posses, não necessariamente esperta, por isso duvido que desse grande resultado. Aliás, era costume serem educados por padrecos, de forma que iam sair criacionistas!

    Quanto à carta que vai enviar ao vaticano, é para mim uma grande honra! Se ainda for a tempo, acrescente que a igreja católica é um dos maiores cancros da humanidade, e que se houvesse um deus com um mínimo de poder eles seriam os primeiros a ir para o inferno (seja lá o que isso for). Quanto à justiça do seu deus, fico à espera!

    ResponderEliminar
  15. Caro Ricardo,

    Com os melhores cumprimentos. Peço desculpa, por confundir V. Exa., com o Sr. Ricardo Alves!

    Os documentos que existem são falsos, não sei se sabe, deu num Documentário na RTP 2, se quiser pode procurar! Quanto ao Santo Padre, falar com Deus ao telefone, é mais um facto a acrescentar à Carta que amanhã seguirá para o Vaticano.

    Você, pode educar os seus filhos como bem quiser! Claro, que não é qualquer pessoa que pode subir ao trono, como é óbvio. Sabe, que o que interessa na Nobreza não é o dinheiro! O que interessa na Nobreza é defender o bom nome do Rei e do Reino! Essa, “história” do serem educados por Padres, remonta à Idade Média!

    Vou como já disse atrás, enviar uma Carta à Santa Sé a denunciar os insultos por parte de V. Exa., ao Santo Padre; e olhe que quem vai mais depressa para o inferno é V. Exa., que ainda morre queimado! E, eu não ameaço apenas, eu cumpro!!!

    Renovo os melhores cumprimentos.


    Diogo de Campos

    ResponderEliminar
  16. Confesso que não percebo. Há bocado o filho do rei era o indicado para governar porque era educado para isso desde o início, mas agora não é qualquer um que pode ser educado assim para ser rei? Quem é que defende um regime racional afinal? É que o argumento de "ser filho do rei" é a arbitrariedade que torna a monarquia um regime idiota... Nas manadas de animais o líder é o mais forte ou o mais velho. O filho do rei não obedece a nenhum dos critérios. As probabilidades de ser o mais esperto também são baixíssimas. O argumento de descender duma linhagem qualquer também não abona a favor. Se tivermos em conta que essas elites são meios pequenos no final de contas os casamentos são todos entre "primos", e todos sabemos que isso aumenta imenso a probabilidade de genes "maus" serem herdados. (é possível que estudes isso quando chegares ao ensino secundário, isto se no teu colégio ensinarem a teoria da evolução!)

    Quanto às ameaças da justiça de deus e de ir parar ao inferno, confesso que não me tira o sono. Aliás, se eu recebesse um cêntimo por cada vez que blasfemei estaria rico por agora.

    Como já te aconselharam, não devias andar por aí a disparar ameaças. Para além de ninguém te levar a sério, é contra a lei. Mas não precisas de te preocupar muito, ainda és menor de idade...

    ResponderEliminar
  17. Caro Ricardo,

    Com os melhores cumprimentos. V. Exa., educa os seus filhos (se os tiver), como bem quiser; mas claro que nunca irá ser Rei, visto que não tem “calibre” para tal coisa. Um regime idiota a Monarquia? Por acaso foi na Monarquia que os Deputados entravam armados no Parlamento? Por acaso foi na Monarquia que os Deputados dormiam no Parlamento? Por acaso foi na Monarquia que se andavam a matar nas ruas? Por acaso foi na Monarquia que houve 48 governos? Por acaso foi na Monarquia que andavam pessoas a pedir na rua? Não, foi! Foi sim na REPÚBLICA!

    Sabe que a ideia que vós republicanos tendes da Monarquia é de uma Monarquia da Idade Média! Nós Monárquicos falámos de uma Monarquia avançada, moderna, Democrática! Ninguém casa com “primos”, deixem-se de Histórias!

    Um cêntimo não lhe dou! O que lhe posso dar é um soco bem dado, visto que não tenho medo de V. Exa., que é um cobardola que nem foto coloca, eu chamo a pessoas como V. Exa., “republicanos envergonhados”!

    Eu, nunca o tratei por “Tu”, como tal aconselho-o a que não me trate também; eu como lhe disse não espalho apenas ameaças; eu cumpro-as! Como já deve ter percebido não tenho medo de nada nem de ninguém!

    Renovo os melhores cumprimentos.


    Diogo de Campos

    ResponderEliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.