sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Só a minha opinião

Nunca tive veleidades de condicionar ou sequer «coordenar» o que se publica neste blogue, mas acho, penso, estou em crer que publicar fotografias do cadáver de Gadafi será desnecessário. A morte de um ser humano nunca se celebra. Neste caso também não se chora, acho eu. Mas há sempre um mínimo de respeito. Que ele não teve pelas suas vítimas. E justamente: há que tratar o defunto com a decência que ele não teve. Deixemos a exibição do troféu ensanguentado para os jornais de referência, que hoje farão primeira página com fotografias de uma morte violenta.