quarta-feira, 7 de abril de 2010

Dois coelhos, uma cajadada - cada cavadela, uma minhoca!

Ao ler a afirmação 80% dos pedófilos são homossexuais, que nem sequer abona em favor da verdade, pareceu-me, à primeira vista, que se pretenderia lançar uma suspeição de pedofilia sobre os homossexuais em geral, sob a forma da velha falácia da afirmação do consequente: sendo 80% dos pedófilos homossexuais, a condição da homossexualidade implicaria que fossem eles/elas pedófilos em 80% dos casos, etc. O que não se pode afirmar, por ser claramente falso, mas que lido em diagonal, corre o risco de passar ao mais desatento!

Contudo, lendo o texto citado pelo JCN a este respeito verifico que a tal percentagem dos quase 80%, se refere, de facto, a casos que aparentemente se pretendem fazer passar como sendo de homossexualidade e não de pedofilia. Traduzindo, dentro das minhas limitações, o parágrafo em questão:

“Afirmará o estudo do “John Jay College”, como se interpreta frequentemente, que 4% dos sacerdotes americanos são “pedófilos”? De maneira alguma. Segundo aquela pesquisa 78,2% das acusações referem-se a menores que terão já passado a puberdade. Ter relações sexuais com uma pessoa de 17 anos não é certamente uma boa coisa, muito menos para um padre: mas não se trata de pedofilia.”

Fico sem saber qual a definição de ter se passado a puberdade, é aos 9 anos, aos 10 anos, aos 12 anos ou aos 17 anos como se deixa cair "en passant" na última frase? ... E sai mais uma falácia! A da omissão de dados: corresponderiam os tais 78,2% dos casos a pessoas à beira de completar os 18 anos, como aí se implica? Onde estão os dados?

Vejamos: por um lado, contamina-se a opinião pública com os tais 80% ligados à pedofilia e à homossexualidade: tudo para a lama e vamos ver como se desembrulham! Que isto da lógica não passa nas gordas... Por outro lado, associa-se a maioria dos casos, com a frase onde se escreve “pessoa de 17 anos”, diciassettenne no original, a casos “quase legitimos”, perante a lei secular e consequentemente perante a opinião mais generalizada. Pronto, e já está tudo bem: os miudos tinham quase 18 anos (talvez até fossem...homossexuais!). Dois coelhos numa cajadada!

Abrindo a época da caça à falácia, escapem os coelhos e desenterrem-se as minhocas!