quinta-feira, 26 de agosto de 2010

O cheiro do dinheiro

Um grupo de sunitas vai construir uma mesquita no centro de Manhattan, a poucos quarteirões do sítio onde um grupo de sunitas se esborrachou com dois aviões contra as torres gémeas do WTC, em nome dum amigo imaginário chamado Allah, e matou milhares de inocentes.

Isto não é obviamente uma coincidência: milhões de muçulmanos sonham todas as noites com a destruição do Ocidente, o inimigo milenar do Islão. Não vale a pena explicar aqui as minúcias do sentido de humor wahabi, mas esta mesquita é a alegria de muitos muçulmanos e vai servir para comemorar a victória de Bin Laden - esse poço de virtudes! - sobre a perversão das democracias ocidentais, onde as mulheres vão à escola e se vestem como lhes apetece, e as adúlteras não são apedrejadas em público.

Nova Iorque, o governo e o país tiveram de aprovar o projecto, ao abrigo dos princípios mais elementares da liberdade de culto.

A extrema direita, sempre exaltada, reagiu. Bronca, aos berros, com o mesmo ódio irracional com que apoiou a cruzada de Cheney e Bush. Sobretudo a FOX, a televisão dos simples, onde os aldrabões de serviço não falam de outra coisa.

Esta semana "descobriram" que o financiamento vem da Arábia Saudita, dum príncipe sinistro, sobrinho do rei Abdullah e chamado Al-Waleed bin Talal. Segundo a FOX, Al-Waleed bin Talal tem relações com organizações suspeitas de simpatizar com terroristas!

O problema é que o príncipe bin Talal é também... o segundo maior acionista da FOX!

Nem o pessoal da FOX - sobretudo o pornógrafo Rupert Murdoch - se parece preocupar com a proveniência do dinheiro que é investido na FOX, nem os wahabis se parecem importar com a proveniência do dinheiro que vai pagar a mesquita, nem a família real saudita se parece importar com o facto de financiar ao mesmo tempo os EUA e os wahabis, nem os EUA se parecem importar com a crescente importância do investimento wahabi na sua economia... mas os idiotas da FOX têm andado excitadíssimos com esta descoberta estraordinária: a mesquita vai ser financiada por um saudita com simpatias wahabis! (Para a semana ainda vão desobrir que o papa é católico!)

1 comentário :

  1. O financiamento da maior parte das mesquitas fora dos países islâmicos vem da Arábia Saudita. E o dinheiro dos terroristas vem do mesmo palácio. No máximo, estão a um aperto de mão de distância uns dos outros...

    ResponderEliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.