terça-feira, 19 de abril de 2011

Esquerda CGTPiana

Tal como a CGTP gosta de bater com a mão no peito, quando abandona as negociações da concertação social após 5 minutos de "concertação", o PCP e o BE recusaram ontem participar na reunião com o FMI, BCE e UE.
A intervenção da troika é um facto, não é algo em aberto. Ao recusarem o convite, não estão a travar essa intervenção, estão a demitir-se de fazer propostas, estão a piorar os termos da intervenção porque ao nos afastarmos de uma negociação só podemos aumentar o fosso entre o acordo final e os nossos objectivos, nunca aproximar. Ao recusarem o convite estão a afirmar que se estão nas tintas, querem é sair bem na fotografia.
É esta a esquerda responsável que nos prometeram.

P.S. texto do Daniel Oliveira no mesmo sentido.