quarta-feira, 29 de maio de 2013

Quais são as tarefas fundamentais do Estado?

Ontem: anunciou-se que os únicos funcionários públicos protegidos dos possíveis despedimentos na função pública são os diplomatas, os polícias e os pides. No mesmo dia, soube-se que encerrarão quase duzentos cursos do Ensino Superior.

É claro que modelo de Estado o governo quer: aquele que começou a terminar em Portugal na Era de Sebastião José. E que se pensava que morrera de vez na Era do MFA.


4 comentários :

  1. Parece-me que o facto de encerrarem 200 cursos do ensino superior que têm números mínimos de estudantes nada tem a ver com a questão das tarefas fundamentais do Estado. Tem a ver simplesmente com boa gestão de recursos. Em qualquer universidade privada também são encerrados cursos que têm pouca procura (creio que a Universidade Católica ainda agora encerrou alguns). Já há muito tempo que diversas pessoas vinham protestando contra o excesso de cursos com fraca procura nas universidades (e contra o excesivo número de universidades também).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quero saber é que cursos säo esses. Olhar para os números, pelos números, nada vale.

      Quanta procura existe, sei lá, para cursos de Física Aplicada ou Engenharia de Máquinas? Pouca, mas quem os tira tem emprego quase garantido, e ainda têm de importar gente. Mas näo importa, se só haver 10 pessoas a querer esse curso, corte-se.
      Já para Gestäo de Empresas e Finanças deve haver muita procura, mutíssima, e depois o mercado de trabalho näo tem lugar para essas pessoas. Mas como há 1000 a querê-lo, continue-se. Ai que espantoso! Tudo a bater punho!

      Cortar, näo onde há excedente de graduados no mercado de trabalho, mas onde... há pouca procura? Só neste país...
      Mas enfim, já se sabe que o desGoverno é só fórmulas de Excel (erradas) e régua e esquadro. "Qualidade" é coisa que näo lhes assiste.

      E ó Lavoura, vá para os EUA por troca com o Filipe Castro, e depressinha, e desampare-nos a loja!

      Eliminar
    2. Maquiavel, segundo o «Público» de há uns dias, metade dos cursos a encerrar são de engenharia.

      Eliminar
    3. Luís Lavoura,
      explique-me qual é a utilidade pública da espionagem.

      Eliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.