segunda-feira, 6 de maio de 2013

Pode alguém ser quem não é?

Só me espantam, na ressaca das declarações de ontem do Terceiro Ministro, duas singelas coisas: que nenhum jornalista lhe tenha ainda perguntado directamente se o CDS votaria contra a «TSU dos pensionistas» no Parlamento; e que nenhum partido tenha ainda prometido levar a votos a referida medida, «entalando» o CDS entre as palavras e os actos. É que todos já entendemos que o «procurar ser quem é» de Paulo Portas passa necessariamente por uma grande e muito calculada distância entre umas e os outros...

Sem comentários :

Enviar um comentário

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.