quarta-feira, 17 de abril de 2013

Quem disse: "a Troika e a Alemanha têm atitudes neo-coloniais"?

Enquanto em Portugal ainda caí o Carmo e a Trindade se o PS faz uma crítica ligeira à Troika, Hannes Swoboda diz que a Europa não precisa de Troikas, que a Troika não têm legitimidade democrática, e que o governo alemão e a Troika têm atitudes quase neo-coloniais.
Swoboda não é um populista de extrema-esquerda/direita qualquer, é o líder parlamentar do Partido Socialista Europeu, o segundo maior no Parlamento Europeu e que engloba toda o centro-esquerda incluindo o PS português. 
Ah, e tem a vantagem de ser austríaco.