segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Ataques à Liberdade em Espanha

De acordo com o projecto da Lei de Segurança Cidadã, que o Governo espanhol deverá aprovar esta semana, passarão a existir multas de 600 000€ para quem:

-filmar a actuação de agentes policiais

-convocar um protesto no «Twitter» em frente ao Parlamento

Eu não quero exagerar, mas isto parecem-me passos decisivos em direcção ao fascismo, naquilo que me parece uma tendência cada vez mais acentuada e preocupante na generalidade dos países ricos e desenvolvidos.

A população vai aceitar estes ataques indiferente? 

4 comentários :

  1. Evidentemente que há muita gente que não é indiferente, mas o PP tem maioria absolutíssima no parlamento, tem um apoio mediático muito importante, e conserva o apoio duma parte importante da população. Alias essa parte da população que o apoia pensa que essa legislação nunca lhe vai ser aplicada a eles, senão aos outros.

    ResponderEliminar
  2. «há muita gente que não é indiferente»

    Sim, a pergunta tinha algum exagero implícito, derivado do espanto que falta de pudor da proposta me causa.

    Aquilo que posso dizer é que há DEMASIADA gente que é indiferente, em parte por essa razão ("pensa que essa legislação nunca lhe vai ser aplicada a eles, senão aos outros") e isso é assustador.

    ResponderEliminar
  3. Nunca há fascismo, nem ditadura nehuma, sem o apoio activo de uma parte substantiva da população e a conivência da maioria.

    ResponderEliminar

As mensagens puramente insultuosas, publicitárias, em calão ou que impeçam um debate construtivo poderão ser apagadas.