sábado, 7 de maio de 2011

o problema da inimputabilidade

O problema da inimputabilidade é que, chegada a hora, se se descobrir que nada disto é verdade, que comprámos gato por lebre, nem este senhor, nem a instituição que representa, vão sofrer a mais mínima consequência. Ao contrário de todos nós.

«[...] Thomsen afirmou que Portugal deve começar a recuperar nos primeiros seis meses de 2013 se as medidas defendidas pelo Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu [...] forem aplicadas. [...]» [1]


[1] --- FMI: Portugal vai começar a recuperar na primeira metade de 2013, TSF [Maio 2011]