quarta-feira, 14 de outubro de 2009

vou deixar de ser a única pessoa a defender o chip?

«[...] A Comissão Europeia anunciou hoje que vai lançar um serviço electrónico europeu de portagem (SEEP) que permitirá aos condutores pagar a taxa de utilização de auto-estradas em toda a União Europeia (UE) utilizando apenas um serviço e equipamento. Os chips que serão instalados nos automóveis vão articular-se com o serviço electrónico europeu de portagens. [...]

Contactada pela Lusa, fonte oficial do Ministério das Obras Públicas disse que o projecto anunciado hoje pela Comissão Europeia irá articular-se com o Dispositivo Electrónico de Matrícula (DEM), vulgarmente designado por chip. [...]»


[Ciência Hoje --- 2009-10-07]

5 comentários :

JDC disse...

Qual é a necessidade da obrigatoriedade do chip? Acabar com a forma tradicional de pagar portagem? Qual o impedimento de, num país de estrangeiro, ir para a fila e pagar na forma tradicional?
Não contesto a utilidade do chip, apenas a sua obrigatoriedade...

ricardo schiappa disse...

se for obrigatório será muito mais complicada a circulação de carros roubados, de carros não documentados, muito mais difícil não pagar multas (estacionamento, velocidade, etc); encontrar benefícios é fácil! mas pareço ser o único a vê-los ;-)

dorean paxorales disse...

então a vantagem imediata vai para a vigilante, não para o utilizador.

no "meu" país, compra-se um selo (por ano/meio-ano/mês), coloca-se no pára-brisa e vai à confiança.
é que as brisas não têm nada que saber onde fui e a que horas no fim-de-semana passado.

(claro que também funciona por causa da baixíssima percentagem de espertice-saloia dos nativos...)

ricardo schiappa disse...

dorean, se te roubarem o carro e depois o recuperarem rapidamente graças ao chip, cheira-me que quem sai a ganhar é o utilizador...

dorean paxorales disse...

por acaso, roubaram-me o carro três vezes. isto quando quando tinha um. foi sempre encontrado no dia seguinte pelos lisbon finest. :)